Astrologia para JULHO: O mês para Áries, Touro, Gêmeos e Câncer

ASTROLOGIA PARA JULHO

Neste vídeo, Juliana Bavaresco fala sobre a Astrologia para julho, mês que está começando, assim como o segundo semestre de 2020, ano complicadíssimo. As previsões para quem é de Áries, Touro, Gêmeos e Câncer. No próximo domingo tem mais.

ASTROLOGIA

JULIANA BAVARESCO

Astróloga e terapeuta holística. Tem como missão é trazer luz à vida e auto-conhecimento. O mapa astral é um norte, onde são analisadas 12 áreas da vida, ressaltando suas qualidades, entendendo os conflitos e trazendo discernimento sobre si mesmo. Para contato (19) 9 9838-0904 ou @julianabbavaresco (Ilustração: meuastro.com.br)

SAIBA MAIS SOBRE ASTROLOGIA

A Astrologia – arte simbólica que estabelece uma relação recíproca entre o que ocorre em um determinado momento no nosso Planeta, e a disposição dos astros no céu neste mesmo instante – nasceu na planície dos rios Eufrates e Tigre, na mesma região onde hoje se localiza o Iraque, há mais ou menos 3000 a.C. Nesta época, os povos da Mesopotâmia e da Babilônia tinham plena convicção de que os planetas, até mesmo o Sol e a Lua, com suas respectivas evoluções, influíam na existência de soberanos e pátrias.

Posteriormente, os chineses revelaram a mesma fé, cerca de 2000 a.C. Os gregos, depois de assimilarem as tradições dos babilônicos, por eles conquistados, cumpriram o papel de intermediários entre esta cultura e o Ocidente, já em 500 a.C. Berço da democracia, a Grécia estendeu a todos o direito de ter sua vida inspirada pelos astros, e inovou ao disseminar a crença na influência dos planetas na hora do nascimento de cada um, determinando assim os rumos da individualidade e do destino das pessoas. Esta modalidade astrológica foi batizada como Astrologia Natal, e alcançou pleno êxito com o astrônomo Claudius Ptolomeu, criador da bíblia desta disciplina – Tetrabiblos.

Atualmente, a Astrologia permite conhecer as energias específicas envolvidas nos acontecimentos planetários, desde uma simples germinação até um evento político fundamental. Ela se dedica à compreensão dos ritmos da vida, de suas etapas. Os astrólogos não a consideram nem ciência, nem arte. Esta linguagem supostamente determina cada acontecimento do cotidiano, abrangendo até o campo emocional e o futuro dos indivíduos.

Os estudiosos frisam que ela não deve ser tomada pela Astronomia, efetivamente uma ciência que aborda os corpos celestes e seu mecanismo, suas leis físicas. A Astrologia é traduzida simbolicamente no que se conhece como horóscopo, um mapa astral que revela a localização dos astros celestiais no instante do nascimento de um ser vivo, em correlação com as doze constelações zodiacais, mais comumente chamadas de signos.(Texto: Ana Lúcia Santana/Infoescola)

VEJA TAMBÉM

GINECOLOGISTA LUCIANE WOOD FALA SOBRE A IMPORTÂNCIA DAS VACINAS NO PRÉ-NATAL.

OS 103 ANOS DA ESCOLA PROFESSOR LUIZ ROSA

NA FISK DA RUA DO RETIRO TEM CURSO DE LOGÍSTICA

ACESSE O FACEBOOK DO JUNDIAÍ AGORA: NOTÍCIAS, DIVERSÃO E PROMOÇÕES

PRECISANDO DE BOLSA DE ESTUDOS? O JUNDIAÍ AGORA VAI AJUDAR VOCÊ. É SÓ CLICAR AQUI