21, outubro , 2018
Home Variedades CONTOS DE GRIMM ganham vida no Dia da Criança

CONTOS DE GRIMM ganham vida no Dia da Criança

Alguns dos contos mais populares de todos os tempos ganham terceira dimensão em Jundiaí. Em “Quatro Vezes Grimm: Histórias Animadas”, os antigos sucessos entre gerações recebem um universo de interpretação que inclui teatro de bonecos, atores e cantadores, trazendo essas histórias disseminadas desde o século 18 para as crianças brasileiras do século 21. A montagem é uma das atrações do Dia das Crianças com sessões às 12h30 e às 16 horas desta sexta-feira(12), em palco da área central do Parque da Cidade em Jundiaí (SP), com o grupo Performático Éos. A atração é gratuita.

Por trás de tudo está a cenógrafa paulistana Daisy Nery, diretora e artista plástica também conhecida como “a maga do teatro de bonecos”. A técnica usada é de fantoches, mas junto com outras técnicas de interpretação teatral, de música autoral e de contação de histórias.

O mais importante de tudo é que isso permite aos atores-manipuladores-cantores interagirem com o público de uma maneira em que mal se nota a mudança de uma cena para outra. São quatro artistas em cena – a também coreógrafa Juliana Fernandes, o também circense Ulisses Vertuan, o também músico Michel Danon e o também diretor Carlos Pasqualin.

Com a brasilidade do uso de ritmos como baião, xote e até rap, passam pelo palco os clássicos personagens da Rapunzel, do Príncipe e o Sapo, da Chapeuzinho Vermelho e da Linda Rosa Juvenil. O público-alvo pode até estar nas crianças, mas nenhum adulto vai ficar chateado.

Tudo – roteiro, figurinos, músicas, bonecos construídos artesanalmente – foi criado por Daisy Nery. Ela é um dos mais respeitados nomes do seu ramo no Brasil. E o material havia encerrado temporadas com seu grupo quando foi oferecido ao grupo jundiaiense. “Estava em um espaço bem cuidado, precioso, e ela, como ex-professora, me sugeriu uma remontagem. Aprovou e ficou emocionada com o resultado”, lembra Pasqualin.

A técnica escolhida se diferencia de efeitos cênicos como do mineiro.

Giramundo, por exemplo, para buscar efeitos na proximidade direta com o público. As crianças veem o boneco, mas também veem a mão que o manipula, veem a expressão no rosto do ator – enfim, veem o todo.

Não é a primeira vez que o grupo Performático Éos, uma instituição cultural da cidade em mais de vinte anos de atuação, adentra nesse universo. Há cerca de seis anos, em evento relativo ao Dia do Folclore, promoveu um desfile dos chamados “Bonecões da Serra do Japi” em pleno calçadão central. O material em torno do lobisomem, resgatado por pesquisas, foi guardado pelos moradores do bairro ambiental da Santa Clara.

LEIA E ASSISTA TAMBÉM:

DRIGO RIBEIRO LANÇA EP ‘MUITO NATURAL’

Os contos dos Irmãos Grimm, recolhidos de relatos orais e populares na Alemanha e ainda mais antigos que o século 18, são ricos em detalhes, mas geralmente conhecidos apenas por seus “memes”, como poderia ser dito em tempo digitais. Assim, Rapunzel é lembrada pela frase “joga as tranças”; o Príncipe e o Sapo pela imagem da transformação; Chapeuzinho Vermelho também por frases como “para que servem esses olhos tão grandes”; e a Bela Rosa Juvenil pelo despertar do sono provocado pela bruxa má.

Mas nada promete ser a mesma coisa depois da intensidade de carinho e arte colocada pelo Performático Éos em “Quatro Vezes Grimm: Histórias Animadas”. (Texto: José Arnaldo de Oliveira)

Facebook Comments

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

CAPTCHA


  • Termos e condições para publicação de comentários de leitores

    O presente termo tem como objetivo informar as condições para a publicação de comentários em murais e matérias jornalísticas no site Jundiaí Agora, na forma que se passa a expor:

    É vetada a publicação de comentários que:

    • sejam falsos ou infundados;
    • invadam a privacidade de terceiros ou manifestamente os prejudique;
    • promovam racismo contra grupos de minorias ou qualquer forma de fanatismo político ou religioso, discriminando grupos de pessoas ou etnias;
    • violem direitos de terceiros, tais como direitos de propriedade intelectual;
    • tenham conotação publicitária, promocional ou de propaganda, ou, ainda, que demonstrem preferência por alguma empresa ou marca(banners publicitários, vendas on-line, etc);
    • promovam discriminação de qualquer natureza;
    • incitem à violência;
    • explorem medo ou superstição;
    • se aproveitem da deficiência de julgamento e inexperiência das crianças;
    • desrespeitem valores ambientais;
    • apresentem linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
    • promovam “correntes” ou “pirâmides” de qualquer espécie;
    • violem a legislação pátria.
    • calúnia, difamação, injúria, ofensa, perturbação da tranquilidade alheia, perseguição, ameaça ou violação de direitos de terceiros;
    • propaganda política para candidatos(partidos ou coligações) e propaganda de seus órgãos ou representantes;
    • páginas e arquivos criptografados/ protegidos por senhas;
    • programas/arquivos que contenham vírus ou qualquer outro código que ponha em risco arquivos;
    • programas ou componentes de computador de usuários que venham a acessar a página do Jundiaí Agora;
    • Todo tipo de pirataria, inclusive de software;
    • O usuário não poderá utilizar-se dos serviços do site desviando a finalidade dele para cometer qualquer atividade ilícita.

    A Rapha.com reserva-se o direito de despublicar (retirar do site) os comentários que não atendam aos padrões sociais, culturais e éticos que regem a matéria.

    Fica estabelecido que o autor do comentário é inteiramente responsável pelo conteúdo nessa havido, quer perante a Rapha.com, quer perante terceiros.

    As opiniões expostas nos comentários não representam as opiniões da Rapha.com/Jundiaí Agora.

    A Rapha.com não se responsabiliza por qualquer dano advindo dos comentários publicados.
    Os usuários do site Jundiaí Agora concordam com as regras contidas neste termo, e desde já autorizam a sua publicação, inclusive nas redes sociais, estando cientes, ainda, que os comentários poderão ser indexados em buscadores nacionais e internacionais, assim como os conteúdos a que estão vinculados.

    Facebook Comments
  • Termos e condições para publicação de comentários de leitores

    O presente termo tem como objetivo informar as condições para a publicação de comentários em murais e matérias jornalísticas no site Jundiaí Agora, na forma que se passa a expor:

    É vetada a publicação de comentários que:

    • sejam falsos ou infundados;
    • invadam a privacidade de terceiros ou manifestamente os prejudique;
    • promovam racismo contra grupos de minorias ou qualquer forma de fanatismo político ou religioso, discriminando grupos de pessoas ou etnias;
    • violem direitos de terceiros, tais como direitos de propriedade intelectual;
    • tenham conotação publicitária, promocional ou de propaganda, ou, ainda, que demonstrem preferência por alguma empresa ou marca(banners publicitários, vendas on-line, etc);
    • promovam discriminação de qualquer natureza;
    • incitem à violência;
    • explorem medo ou superstição;
    • se aproveitem da deficiência de julgamento e inexperiência das crianças;
    • desrespeitem valores ambientais;
    • apresentem linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
    • promovam “correntes” ou “pirâmides” de qualquer espécie;
    • violem a legislação pátria.
    • calúnia, difamação, injúria, ofensa, perturbação da tranquilidade alheia, perseguição, ameaça ou violação de direitos de terceiros;
    • propaganda política para candidatos(partidos ou coligações) e propaganda de seus órgãos ou representantes;
    • páginas e arquivos criptografados/ protegidos por senhas;
    • programas/arquivos que contenham vírus ou qualquer outro código que ponha em risco arquivos;
    • programas ou componentes de computador de usuários que venham a acessar a página do Jundiaí Agora;
    • Todo tipo de pirataria, inclusive de software;
    • O usuário não poderá utilizar-se dos serviços do site desviando a finalidade dele para cometer qualquer atividade ilícita.

    A Rapha.com reserva-se o direito de despublicar (retirar do site) os comentários que não atendam aos padrões sociais, culturais e éticos que regem a matéria.

    Fica estabelecido que o autor do comentário é inteiramente responsável pelo conteúdo nessa havido, quer perante a Rapha.com, quer perante terceiros.

    As opiniões expostas nos comentários não representam as opiniões da Rapha.com/Jundiaí Agora.

    A Rapha.com não se responsabiliza por qualquer dano advindo dos comentários publicados.
    Os usuários do site Jundiaí Agora concordam com as regras contidas neste termo, e desde já autorizam a sua publicação, inclusive nas redes sociais, estando cientes, ainda, que os comentários poderão ser indexados em buscadores nacionais e internacionais, assim como os conteúdos a que estão vinculados.

    Facebook Comments