26, abril , 2019
Home Test Drive COROLLA, simples e confiável, segue sendo o mais vendido no mundo

COROLLA, simples e confiável, segue sendo o mais vendido no mundo

Uma ocasião, ao parar num posto para abastecer um carro da Toyota ouvi esta pérola do frentista: “Você já viu cabeça de bacalhau? E um Corolla parado na estrada com o capô aberto?”.  E você, caro leitor, lembra de ter visto essa cena?

Essa fama de carro durável, de mecânica confiável, é um dos grandes trunfos do Toyota Corolla, que explica em parte a sua liderança como um dos carros mais vendidos da história, ultrapassando com folga a marca de 40 milhões de unidades. Lançado em 1966, ou seja, há 53 anos, o Corolla vendeu mais que ícones da indústria automotiva como o VW Fusca, que ocupa a quarta posição com 23,5 milhões de unidades e do Ford T, produzido entre 1908 e 1928, que teve 16,5 milhões de carros fabricados.

Durante uma semana nós avaliamos a versão Altis, topo de linha do sedã, usando o carro no dia-a-dia para conhecer melhor as suas qualidades e defeitos. Logo de cara, ficamos surpresos com o baixo consumo de combustível, apesar de estarmos rodando com a versão equipada com motor 2.0 de 154 cavalos de potência.

O caro estreou o novo visual na linha 2019, com novos faróis em LED e lanternas traseiras transparentes, ambos redesenhados. Outra mudança em relação ao modelo 2018 foram as novas rodas de liga leve aro 17 para as versões, e a opção de um novo pacote esportivo para a versão XRS. A grade e os para-choques também ganharam um novo desenho, dando mais harmonia ao conjunto. Por dentro, o Novo Corolla 2019 adiciona novos difusores de ar circulares, quadro de instrumentos com tela TFT de 4,2 polegadas e uma central multimídia com tela de 7 polegadas sensível ao toque.

O modelo que o Auto Motori| Test Drive do JA avaliou veio com interior na cor creme, que não é muito recomendado para quem têm crianças, mas que deu um toque de classe ao sedã da Toyota.

Do lado de dentro as mudanças foram sutis, mas surtem um bom efeito, com o novo desenho do painel em dois tons e as saídas de ar com novo formato. Bom, nem é preciso dizer que o acabamento caprichado e o espaço generoso, que já são marcas registradas do Corolla, ganharam reforço no isolamento acústico, nova calibração da direção elétrica, suspensão mais elevada e molas e amortecedores redimensionados. Tudo isso reflete no prazer de dirigir e no conforto encontrado apenas em carros de categorias superiores.

O Corolla também evoluiu no quesito segurança, trazendo de série sete airbags, controles de tração e estabilidade e assistente de partida em rampa. Aliás, o carro conquistou com mérito 5 estrelas em todas as categorias nos rigorosos testes do Latin NCAP, assumindo o posto de mais seguro do País.

Motor e câmbio em harmonia – O Corolla conta com duas opções de motorização: a já conhecida e confiável 1.8 Flex com 144 cavalos de potência quando abastecido no etanol e a 2.0 DVVTI, de 16 válvulas de 154 cavalos. O comprador tem ainda as opções de transmissão manual de seis marchas ou CVT Multi-Drive com paddle shift e modo Sport, esta última disponível nas versões XEi, XRS e Altis.

5 estrelas no latin NCAP – O sedada Toyota conquistou nota máxima em bateria de crash tests do Latin NCAP, realizada em setembro do ano passado.

Os testes envolveram colisões frontal, lateral, e a simulação de batida contra um poste, que exige a presença de airbags de cortina para proteção das cabeças dos ocupantes nas duas fileiras de bancos.

Na avaliação da entidade que mede a segurança dos carros vendidos na América Latina, o Corolla se destacou, conquistando as cinco estrelas possíveis tanto para adultos quanto para crianças.

O resultado reflete as evoluções promovidas que adicionaram airbags de cortina e os controles de estabilidade e de tração. Na versão anterior, esses itens não eram oferecidos nem como opcionais.

Mesmo sendo considerado um carro caro para os padrões de consumo brasileiros, o Corolla oferece uma gama de versões bem ampla, que vai do GLi, com bancos revestidos em tecido, vendido por R$ 79.900 até o topo de linha Altis, que custa R$ 118.990, R$ 40 mil à mais que a versão de entrada!

Mas para quem busca um carro carregado de boas qualidades, como segurança, conforto, confiabilidade, economia e bom valor de revenda, o Corolla é mesmo um bom negócio.©Joaquim Rimoli | AutoMotori


Comercial da semana

Comercial da Toyota valoriza a confiança no Corolla

Na nossa matéria principal de hoje eu contei a passagem com o frentista de posto que me questionou se eu já tinha visto um Corolla quebrado na estrada. Pois é, a conclusão do nosso amigo não é nenhuma novidade e já foi até usada num comercial da marca para o mercado europeu, no início dos anos 2000.

No filme, dois amigos se deparam com uma garota de tirar o fôlego de qualquer marmanjo parada no acostamento de uma estrada deserta com seu Corolla hatch quebrado…  Agora você decide: eles pararam para ajudar a donzela em perigo ou caíram fora rapidinho, apesar de serem héteros assumidos? Quer saber o resultado? Assista o filme e divirta-se! ©Joaquim Rimoli | AutoMotori


CONCURSO MOVIECOM-JUNDIAÍ AGORA

TRÊS PARES DE INGRESSOS PARA ALITA: ANJO DE COMBATE

ACESSE TAMBÉM

O FACE DO JA!!!

  • Termos e condições para publicação de comentários de leitores

    O presente termo tem como objetivo informar as condições para a publicação de comentários em murais e matérias jornalísticas no site Jundiaí Agora, na forma que se passa a expor:

    É vetada a publicação de comentários que:

    • sejam falsos ou infundados;
    • invadam a privacidade de terceiros ou manifestamente os prejudique;
    • promovam racismo contra grupos de minorias ou qualquer forma de fanatismo político ou religioso, discriminando grupos de pessoas ou etnias;
    • violem direitos de terceiros, tais como direitos de propriedade intelectual;
    • tenham conotação publicitária, promocional ou de propaganda, ou, ainda, que demonstrem preferência por alguma empresa ou marca(banners publicitários, vendas on-line, etc);
    • promovam discriminação de qualquer natureza;
    • incitem à violência;
    • explorem medo ou superstição;
    • se aproveitem da deficiência de julgamento e inexperiência das crianças;
    • desrespeitem valores ambientais;
    • apresentem linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
    • promovam “correntes” ou “pirâmides” de qualquer espécie;
    • violem a legislação pátria.
    • calúnia, difamação, injúria, ofensa, perturbação da tranquilidade alheia, perseguição, ameaça ou violação de direitos de terceiros;
    • propaganda política para candidatos(partidos ou coligações) e propaganda de seus órgãos ou representantes;
    • páginas e arquivos criptografados/ protegidos por senhas;
    • programas/arquivos que contenham vírus ou qualquer outro código que ponha em risco arquivos;
    • programas ou componentes de computador de usuários que venham a acessar a página do Jundiaí Agora;
    • Todo tipo de pirataria, inclusive de software;
    • O usuário não poderá utilizar-se dos serviços do site desviando a finalidade dele para cometer qualquer atividade ilícita.

    A Rapha.com reserva-se o direito de despublicar (retirar do site) os comentários que não atendam aos padrões sociais, culturais e éticos que regem a matéria.

    Fica estabelecido que o autor do comentário é inteiramente responsável pelo conteúdo nessa havido, quer perante a Rapha.com, quer perante terceiros.

    As opiniões expostas nos comentários não representam as opiniões da Rapha.com/Jundiaí Agora.

    A Rapha.com não se responsabiliza por qualquer dano advindo dos comentários publicados.
    Os usuários do site Jundiaí Agora concordam com as regras contidas neste termo, e desde já autorizam a sua publicação, inclusive nas redes sociais, estando cientes, ainda, que os comentários poderão ser indexados em buscadores nacionais e internacionais, assim como os conteúdos a que estão vinculados.

  • Termos e condições para publicação de comentários de leitores

    O presente termo tem como objetivo informar as condições para a publicação de comentários em murais e matérias jornalísticas no site Jundiaí Agora, na forma que se passa a expor:

    É vetada a publicação de comentários que:

    • sejam falsos ou infundados;
    • invadam a privacidade de terceiros ou manifestamente os prejudique;
    • promovam racismo contra grupos de minorias ou qualquer forma de fanatismo político ou religioso, discriminando grupos de pessoas ou etnias;
    • violem direitos de terceiros, tais como direitos de propriedade intelectual;
    • tenham conotação publicitária, promocional ou de propaganda, ou, ainda, que demonstrem preferência por alguma empresa ou marca(banners publicitários, vendas on-line, etc);
    • promovam discriminação de qualquer natureza;
    • incitem à violência;
    • explorem medo ou superstição;
    • se aproveitem da deficiência de julgamento e inexperiência das crianças;
    • desrespeitem valores ambientais;
    • apresentem linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
    • promovam “correntes” ou “pirâmides” de qualquer espécie;
    • violem a legislação pátria.
    • calúnia, difamação, injúria, ofensa, perturbação da tranquilidade alheia, perseguição, ameaça ou violação de direitos de terceiros;
    • propaganda política para candidatos(partidos ou coligações) e propaganda de seus órgãos ou representantes;
    • páginas e arquivos criptografados/ protegidos por senhas;
    • programas/arquivos que contenham vírus ou qualquer outro código que ponha em risco arquivos;
    • programas ou componentes de computador de usuários que venham a acessar a página do Jundiaí Agora;
    • Todo tipo de pirataria, inclusive de software;
    • O usuário não poderá utilizar-se dos serviços do site desviando a finalidade dele para cometer qualquer atividade ilícita.

    A Rapha.com reserva-se o direito de despublicar (retirar do site) os comentários que não atendam aos padrões sociais, culturais e éticos que regem a matéria.

    Fica estabelecido que o autor do comentário é inteiramente responsável pelo conteúdo nessa havido, quer perante a Rapha.com, quer perante terceiros.

    As opiniões expostas nos comentários não representam as opiniões da Rapha.com/Jundiaí Agora.

    A Rapha.com não se responsabiliza por qualquer dano advindo dos comentários publicados.
    Os usuários do site Jundiaí Agora concordam com as regras contidas neste termo, e desde já autorizam a sua publicação, inclusive nas redes sociais, estando cientes, ainda, que os comentários poderão ser indexados em buscadores nacionais e internacionais, assim como os conteúdos a que estão vinculados.