17, dezembro , 2018
Home Opinião Vivência em DEFESA DA VIDA

Vivência em DEFESA DA VIDA

A vivência de defesa à vida, através da reflexão e do abraço ao Fórum de Jundiaí, no último dia 16 de setembro, organizado pelo vereador Douglas do Nascimento Medeiros, com apoio de nosso Bispo Dom Vicente Costa e participação efetiva do Padre Leandro Megeto, coordenador diocesano de ação evangelizadora, fez-me um bem imenso. Sem questões partidárias, sem interesses escusos em nome do cristianismo, me renovou a esperança no mundo em que Jesus sonhava quando esteve conosco pelas ruas da Galileia. Que momento forte, de congraçamento, de claridade para ensolarar a alma; de sim firme ao Deus Criador, cujo Espírito, conforme narra o Livro do Gênesis (1,2), pairava sobre as águas. Dava-lhe vida.

Cada um, ao chegar à praça, trazia consigo sorrisos, abraços e o sentimento de que a fé não está em ideologias, mas sim no Verbo.  “E o Verbo se fez carne e habitou entre nós, e vimos sua glória, a glória que o Filho único recebe do Pai, cheio de graça e de verdade” (Jo 1, 14).

Aconteceram as falas, a partir do Vereador Douglas: o enfoque político de acordo com a Doutrina Social da Igreja, como resposta ao convite para construção responsável da sociedade humana. Padre Leandro Megeto apresentou uma belíssima análise sobre a proteção e o amparo ao ser humano desde a fecundação. O Pastor José Carlos Marion prosseguiu com uma palavra intensa e generosa sobre a unidade dos cristãos, destacando a prece do Pai Nosso. O Dr. Eurico Alonço Malagodi, médico obstetra, preparadíssimo, trouxe, com propriedade, os ensinamentos da Ciência sobre o início da vida humana. E aliou as maravilhas da criação com o as fases do desenvolvimento humano no caminho para o útero e nele; do ser distinto da mãe, que se abriga em seu ventre durante nove meses ou um pouco menos. Tive, também, a oportunidade de me expressar. Contei sobre a história de duas mulheres: uma que se permitiu abortar, a outra que realizava abortos e suas dores trágicas no arrependimento. Não podemos nos esquecer de que, no aborto, 50% de culpa é do homem. Acompanhei de perto.

OUTROS ARTIGOS DE MARIA CRISTINA CASTILHO DE ANDRADE

VIVÊNCIAS DE ASSOMBRO

VIVÊNCIAS DO TEMPO DO EXÉRCITO

VIVÊNCIAS DE SÚPLICAS

VIVÊNCIAS DOLOROSAS

VIVÊNCIAS DO SILÊNCIO

VIVÊNCIAS DE ADEUS

Tudo isso foi possível porque centenas de pessoas estiveram presentes com sua proposta de defesa à vida, com o sonho de Deus, em seu coração, para todos os seres humanos, em especial aos mais vulneráveis: os bebês que se encontram na gruta materna. E como foi do Céu o abraço ao Fórum em oração de amor.

Diversos atos concretos foram anunciados no evento, dentre eles, o Núcleo de Estudos em Defesa da Vida, coordenado pelo Dr. Malagodi, e o atendimento ativo e receptivo às mulheres que desejem abortar e/ou tenham dúvidas por meio da Associação Maria de Magdala. Bendito seja Deus pela manhã de 16 de setembro, plena de vida em essência. Parabéns pela iniciativa, Douglas Medeiros. (Foto: asanteb.com)


MARIA CRISTINA CASTILHO DE ANDRADE

Com formação em Letras, professora, escreve crônicas, há 40 anos, em diversos meios de comunicação de Jundiaí e, também, em Portugal. Atua junto a populações em situação de risco.

Facebook Comments

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

CAPTCHA


  • Termos e condições para publicação de comentários de leitores

    O presente termo tem como objetivo informar as condições para a publicação de comentários em murais e matérias jornalísticas no site Jundiaí Agora, na forma que se passa a expor:

    É vetada a publicação de comentários que:

    • sejam falsos ou infundados;
    • invadam a privacidade de terceiros ou manifestamente os prejudique;
    • promovam racismo contra grupos de minorias ou qualquer forma de fanatismo político ou religioso, discriminando grupos de pessoas ou etnias;
    • violem direitos de terceiros, tais como direitos de propriedade intelectual;
    • tenham conotação publicitária, promocional ou de propaganda, ou, ainda, que demonstrem preferência por alguma empresa ou marca(banners publicitários, vendas on-line, etc);
    • promovam discriminação de qualquer natureza;
    • incitem à violência;
    • explorem medo ou superstição;
    • se aproveitem da deficiência de julgamento e inexperiência das crianças;
    • desrespeitem valores ambientais;
    • apresentem linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
    • promovam “correntes” ou “pirâmides” de qualquer espécie;
    • violem a legislação pátria.
    • calúnia, difamação, injúria, ofensa, perturbação da tranquilidade alheia, perseguição, ameaça ou violação de direitos de terceiros;
    • propaganda política para candidatos(partidos ou coligações) e propaganda de seus órgãos ou representantes;
    • páginas e arquivos criptografados/ protegidos por senhas;
    • programas/arquivos que contenham vírus ou qualquer outro código que ponha em risco arquivos;
    • programas ou componentes de computador de usuários que venham a acessar a página do Jundiaí Agora;
    • Todo tipo de pirataria, inclusive de software;
    • O usuário não poderá utilizar-se dos serviços do site desviando a finalidade dele para cometer qualquer atividade ilícita.

    A Rapha.com reserva-se o direito de despublicar (retirar do site) os comentários que não atendam aos padrões sociais, culturais e éticos que regem a matéria.

    Fica estabelecido que o autor do comentário é inteiramente responsável pelo conteúdo nessa havido, quer perante a Rapha.com, quer perante terceiros.

    As opiniões expostas nos comentários não representam as opiniões da Rapha.com/Jundiaí Agora.

    A Rapha.com não se responsabiliza por qualquer dano advindo dos comentários publicados.
    Os usuários do site Jundiaí Agora concordam com as regras contidas neste termo, e desde já autorizam a sua publicação, inclusive nas redes sociais, estando cientes, ainda, que os comentários poderão ser indexados em buscadores nacionais e internacionais, assim como os conteúdos a que estão vinculados.

    Facebook Comments
  • Termos e condições para publicação de comentários de leitores

    O presente termo tem como objetivo informar as condições para a publicação de comentários em murais e matérias jornalísticas no site Jundiaí Agora, na forma que se passa a expor:

    É vetada a publicação de comentários que:

    • sejam falsos ou infundados;
    • invadam a privacidade de terceiros ou manifestamente os prejudique;
    • promovam racismo contra grupos de minorias ou qualquer forma de fanatismo político ou religioso, discriminando grupos de pessoas ou etnias;
    • violem direitos de terceiros, tais como direitos de propriedade intelectual;
    • tenham conotação publicitária, promocional ou de propaganda, ou, ainda, que demonstrem preferência por alguma empresa ou marca(banners publicitários, vendas on-line, etc);
    • promovam discriminação de qualquer natureza;
    • incitem à violência;
    • explorem medo ou superstição;
    • se aproveitem da deficiência de julgamento e inexperiência das crianças;
    • desrespeitem valores ambientais;
    • apresentem linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
    • promovam “correntes” ou “pirâmides” de qualquer espécie;
    • violem a legislação pátria.
    • calúnia, difamação, injúria, ofensa, perturbação da tranquilidade alheia, perseguição, ameaça ou violação de direitos de terceiros;
    • propaganda política para candidatos(partidos ou coligações) e propaganda de seus órgãos ou representantes;
    • páginas e arquivos criptografados/ protegidos por senhas;
    • programas/arquivos que contenham vírus ou qualquer outro código que ponha em risco arquivos;
    • programas ou componentes de computador de usuários que venham a acessar a página do Jundiaí Agora;
    • Todo tipo de pirataria, inclusive de software;
    • O usuário não poderá utilizar-se dos serviços do site desviando a finalidade dele para cometer qualquer atividade ilícita.

    A Rapha.com reserva-se o direito de despublicar (retirar do site) os comentários que não atendam aos padrões sociais, culturais e éticos que regem a matéria.

    Fica estabelecido que o autor do comentário é inteiramente responsável pelo conteúdo nessa havido, quer perante a Rapha.com, quer perante terceiros.

    As opiniões expostas nos comentários não representam as opiniões da Rapha.com/Jundiaí Agora.

    A Rapha.com não se responsabiliza por qualquer dano advindo dos comentários publicados.
    Os usuários do site Jundiaí Agora concordam com as regras contidas neste termo, e desde já autorizam a sua publicação, inclusive nas redes sociais, estando cientes, ainda, que os comentários poderão ser indexados em buscadores nacionais e internacionais, assim como os conteúdos a que estão vinculados.

    Facebook Comments