15, dezembro , 2018
Home Eleições Os deputados de Jundiaí: a história de ELOY CHAVES

Os deputados de Jundiaí: a história de ELOY CHAVES

Em clima de eleições, o Jundiaí de Antigamente vai relembrar a trajetória dos políticos de Jundiaí que se elegeram deputado, tanto federal como estadual. Começando por Eloy de Miranda Chaves, tido como o “Pai da Previdência Social”. O bairro, que hoje mais parece uma cidade, recebeu o nome Eloy Chaves em sua homenagem (abaixo, em 1986).

O político nasceu em Pindamonhangaba, interior de São Paulo, no dia 27 de dezembro de 1875. Formou-se em Direito em 1896 pela Faculdade do Largo São Francisco. Aos 20 anos já era promotor público em São Roque. De lá veio para Jundiaí, onde advogou, fundou o Colégio Santo Antônio e iniciou sua carreira política, elegendo-se vereador.

Foi eleito deputado federal pelo Partido Republicano Paulista (PRP) e também ocupou cargos relevantes como o de presidente da Comissão de Marinha de Guerra. De 1913 a 1918 foi Secretário de Estado dos Negócios da Justiça e Segurança Pública, nos governos do Conselheiro Rodrigues Alves e de Altino Arantes. Eloy Chaves ganhou fama quando propôs uma lei precursora da Previdência Social.

Empresário – Em 1902, com José Teles, Edgar de Sousa e Aguiar de Andrade organizou a Empresa Elétrica de Jundiaí, mais tarde, em 1927, transferida para a “Light”. Antes disso, em 1910, fundo a S.A. Industrial Jundiaiense, tecelagem tida como uma das maiores do Estado.

 

 

 

Em 1956: Inauguração da Agência do Banco Federal de Crédito em Jundiaí. Eloy Chaves era membro do conselho consultivo do banco. Alfredo Egydio de Souza Aranha(presidente do banco) e o prefeito Vasco Venchiarutti. Este banco foi integrado ao Itaú. 

 

 

 

Em maio de 1912, adquiriu a Central Elétrica Rio Claro, que de pequena empresa com apenas uma usina transformou-se na maior companhia de eletricidade de capital nacional. Ainda neste ano, juntamente com o empresário português Antônio Cintra Gordinho e o engenheiro alemão Hermman Braune, fundou a Cia. Ermida de Papel e Celulose, em Jundiaí.

Eloy Chaves foi também agricultor e pecuarista. Foi um dos grandes incentivadores da indústria de cerâmica em São Paulo, como fundador da Cia. Cerâmica Jundiaiense (ao lado). Também fundou e foi o principal acionista do Banco Comind, maior instituição financeira privada do país na primeira metade do passado e maior operador brasileiro no comércio internacional de café.

Chaves foi um dos maiores produtores de café brasileiros, manteve algumas das maiores fazendas do mundo destacando-se a Fazenda Ermida, em Jundiaí. Além do café, eram notórias as vastas regiões de plantio de eucalipto, cana de açúcar e laranja, no interior do Estado. Ele morreu no dia 18 de abril de 1964. (Texto com base da Wikipedia).

VEJA TAMBÉM

QUASE 100 ANOS DE FOTOS CONTAM A HISTÓRIA DA RUA DA PADROEIRA

MARIA DOS PACOTES ESTÁ NO IMAGINÁRIO DOS JUNDIAIENSES

RELEMBRE A ANTIGA CICA, INDÚSTRIA QUE MARCOU ÉPOCA EM JUNDIAÍ

VOCÊ SABIA QUE A PRAÇA DA CATEDRAL TINHA UM CHAFARIZ LUMINOSO?

Facebook Comments

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

CAPTCHA


  • Termos e condições para publicação de comentários de leitores

    O presente termo tem como objetivo informar as condições para a publicação de comentários em murais e matérias jornalísticas no site Jundiaí Agora, na forma que se passa a expor:

    É vetada a publicação de comentários que:

    • sejam falsos ou infundados;
    • invadam a privacidade de terceiros ou manifestamente os prejudique;
    • promovam racismo contra grupos de minorias ou qualquer forma de fanatismo político ou religioso, discriminando grupos de pessoas ou etnias;
    • violem direitos de terceiros, tais como direitos de propriedade intelectual;
    • tenham conotação publicitária, promocional ou de propaganda, ou, ainda, que demonstrem preferência por alguma empresa ou marca(banners publicitários, vendas on-line, etc);
    • promovam discriminação de qualquer natureza;
    • incitem à violência;
    • explorem medo ou superstição;
    • se aproveitem da deficiência de julgamento e inexperiência das crianças;
    • desrespeitem valores ambientais;
    • apresentem linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
    • promovam “correntes” ou “pirâmides” de qualquer espécie;
    • violem a legislação pátria.
    • calúnia, difamação, injúria, ofensa, perturbação da tranquilidade alheia, perseguição, ameaça ou violação de direitos de terceiros;
    • propaganda política para candidatos(partidos ou coligações) e propaganda de seus órgãos ou representantes;
    • páginas e arquivos criptografados/ protegidos por senhas;
    • programas/arquivos que contenham vírus ou qualquer outro código que ponha em risco arquivos;
    • programas ou componentes de computador de usuários que venham a acessar a página do Jundiaí Agora;
    • Todo tipo de pirataria, inclusive de software;
    • O usuário não poderá utilizar-se dos serviços do site desviando a finalidade dele para cometer qualquer atividade ilícita.

    A Rapha.com reserva-se o direito de despublicar (retirar do site) os comentários que não atendam aos padrões sociais, culturais e éticos que regem a matéria.

    Fica estabelecido que o autor do comentário é inteiramente responsável pelo conteúdo nessa havido, quer perante a Rapha.com, quer perante terceiros.

    As opiniões expostas nos comentários não representam as opiniões da Rapha.com/Jundiaí Agora.

    A Rapha.com não se responsabiliza por qualquer dano advindo dos comentários publicados.
    Os usuários do site Jundiaí Agora concordam com as regras contidas neste termo, e desde já autorizam a sua publicação, inclusive nas redes sociais, estando cientes, ainda, que os comentários poderão ser indexados em buscadores nacionais e internacionais, assim como os conteúdos a que estão vinculados.

    Facebook Comments
  • Termos e condições para publicação de comentários de leitores

    O presente termo tem como objetivo informar as condições para a publicação de comentários em murais e matérias jornalísticas no site Jundiaí Agora, na forma que se passa a expor:

    É vetada a publicação de comentários que:

    • sejam falsos ou infundados;
    • invadam a privacidade de terceiros ou manifestamente os prejudique;
    • promovam racismo contra grupos de minorias ou qualquer forma de fanatismo político ou religioso, discriminando grupos de pessoas ou etnias;
    • violem direitos de terceiros, tais como direitos de propriedade intelectual;
    • tenham conotação publicitária, promocional ou de propaganda, ou, ainda, que demonstrem preferência por alguma empresa ou marca(banners publicitários, vendas on-line, etc);
    • promovam discriminação de qualquer natureza;
    • incitem à violência;
    • explorem medo ou superstição;
    • se aproveitem da deficiência de julgamento e inexperiência das crianças;
    • desrespeitem valores ambientais;
    • apresentem linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
    • promovam “correntes” ou “pirâmides” de qualquer espécie;
    • violem a legislação pátria.
    • calúnia, difamação, injúria, ofensa, perturbação da tranquilidade alheia, perseguição, ameaça ou violação de direitos de terceiros;
    • propaganda política para candidatos(partidos ou coligações) e propaganda de seus órgãos ou representantes;
    • páginas e arquivos criptografados/ protegidos por senhas;
    • programas/arquivos que contenham vírus ou qualquer outro código que ponha em risco arquivos;
    • programas ou componentes de computador de usuários que venham a acessar a página do Jundiaí Agora;
    • Todo tipo de pirataria, inclusive de software;
    • O usuário não poderá utilizar-se dos serviços do site desviando a finalidade dele para cometer qualquer atividade ilícita.

    A Rapha.com reserva-se o direito de despublicar (retirar do site) os comentários que não atendam aos padrões sociais, culturais e éticos que regem a matéria.

    Fica estabelecido que o autor do comentário é inteiramente responsável pelo conteúdo nessa havido, quer perante a Rapha.com, quer perante terceiros.

    As opiniões expostas nos comentários não representam as opiniões da Rapha.com/Jundiaí Agora.

    A Rapha.com não se responsabiliza por qualquer dano advindo dos comentários publicados.
    Os usuários do site Jundiaí Agora concordam com as regras contidas neste termo, e desde já autorizam a sua publicação, inclusive nas redes sociais, estando cientes, ainda, que os comentários poderão ser indexados em buscadores nacionais e internacionais, assim como os conteúdos a que estão vinculados.

    Facebook Comments