HUNGRIA: 250 bolsas de estudos são ofertadas para brasileiros

HUNGRIA

Estudantes brasileiros interessados em fazer um intercâmbio na Hungria poderão participar do programa Stipendium Hungaricum (SH), uma parceria entre o Ministério da Educação (MEC) e o Ministério dos Negócios Estrangeiros e do Comércio Exterior da Hungria. Através do acordo de cooperação técnica firmado entre as instituições, serão oferecidas 250 vagas para os estudantes brasileiros para o ano letivo 2021/2022.

As inscrições serão feitas pelo site www.stipendiumhungaricum.hu a partir do dia 16 de novembro de 2020 e seguem até 15 de janeiro de 2021. Ao todo, considerando a parceria Brasil – Hungria entre o período de 2020 a 2022, serão ofertadas 750 bolsas para estudantes brasileiros. 

Coordenado pela Fundação Tempus, o programa conta com mais de 60 países parceiros em todo o mundo. As áreas acadêmicas de destaque são as ciências naturais e agrárias, além de cursos de Engenharia, incluindo estudos nucleares e serão contemplados cursos de graduação, mestrado, doutorado, cursos preparatórios em húngaro e cursos de especialização.

Requisitos e candidatura – Para participar do intercâmbio, o estudante precisa ter 18 anos completos até o dia 31 de agosto do ano que for iniciar seus estudos na Hungria. Além disso, é necessário apresentar um certificado de proficiência em inglês de nível intermediário, emitido por qualquer instituição de idioma.

Mais de 30 instituições de ensino húngaras e mais de 450 cursos de inglês participam do programa e os alunos podem escolher em qual deseja ingressar de acordo com a sua área de formação.  Há, ainda, a possibilidade de estudar em outras Línguas como alemão ou francês, ou até mesmo em húngaro. A lista completa de cursos acessíveis para os estudantes de cada país parceiro irá constar nos editais e pode ter variações de um ano para o outro.

Bolsas – O programa prevê a isenção das taxas universitárias e garante auxílio mensal de 390 a 500 euros para alunos de doutorado e de 120 euros para alunos de graduação e mestrado durante o período de estudos. As bolsas incluem também alojamento gratuito e uma ajuda de custo para acomodação no valor de 110 euros.

Seguro médico no sistema público de saúde da Hungria também é um dos benefícios que os participantes irão receber, além de uma carteira de estudante que oferece descontos no transporte público, museus e eventos. Além disso, a legislação húngara permite 24 horas semanais de trabalho para quem possuir permissão de residência como estudante no país.* Com informações do MEC – Fonte: Agência Educa Mais Brasil

VEJA TAMBÉM

HOME OFFICE PARA GESTANTES: PARA QUAIS HÁ INDICAÇÃO? VEJA VÍDEO COM A GINECOLOGISTA LUCIANE WOOD

FISK DA RUA DO RETIRO: SAIBA O QUE SÃO QUESTIONS WORDS. CLIQUE AQUI

OS 103 ANOS DA ESCOLA PROFESSOR LUIZ ROSA

ACESSE O FACEBOOK DO JUNDIAÍ AGORA: NOTÍCIAS, DIVERSÃO E PROMOÇÕES

PRECISANDO DE BOLSA DE ESTUDOS? O JUNDIAÍ AGORA VAI AJUDAR VOCÊ. É SÓ CLICAR AQUI