ISOLAMENTO: planeje suas finanças neste período. Veja vídeo

ISOLAMENTO

Período complicado. Mas nem tudo está perdido. Segundo o terapeuta financeiro Pedro Braggio, o isolamento é um bom momento para conversar com a família e fazer um belo planejamento financeiro. Assista:

PEDRO BRAGGIO

Autor do livro “Dinheiro é Bom e eu Gosto” e coautor do livro “Empreendedor Total”. É educador e terapeuta financeiro há mais de 25 anos. Graduado em Ciências Contábeis e especialista em finanças. Professor de graduação e pós-graduação nas áreas de finanças e empreendedorismo. Ministra palestras de Reeducação financeira em Universidades, empresas e outras entidades em todo o Brasil.(Foto: www.ibe.edu.br)

DICAS PARA FAZER UM PLANEJAMENTO FINANCEIRO EM FAMÍLIA:

1 – Faça um inventário dos gastos familiares – Muitas famílias, por mais bem intencionadas que sejam em relação à disciplina financeira, pecam por desconhecer a verdadeira condição de seu orçamento. Certas despesas, que talvez pareçam inofensivas, podem causar um efeito devastador se não forem levadas em conta. Durante um determinado período, as despesas de todos os membros da família devem ser rigorosamente anotadas. É importante, nesta etapa do processo, atentar-se para todos os detalhes, sem desprezar qualquer gasto, por menor que seja. Com base nos dados coletados, será possível saber quanto e como estão sendo gastos os recursos familiares.

2 – Reúna a família – Tenha em mente que o planejamento é familiar e, portanto, deve contar com a participação de todos. Há lares onde o assunto “dinheiro” é tratado como um verdadeiro tabu e os familiares tem pouca noção das reais condições financeiras ou de como poderiam ajudar. Reúna todos, inclusive as crianças, para uma conversa. Exponha a realidade orçamentária e reflitam juntos sobre sonhos, projetos conjuntos e a forma de viabilizar estes objetivos. Cada um deve se sentir como uma parte importante para o sucesso da execução do planejamento e, assim, encontrar motivação para se engajar.

3 – Defina metas de economia no planejamento financeiro familiar – Agora que você tem em mãos um diagnóstico da saúde financeira e todos estão engajados no processo, é hora de definir as metas de economia. Após estipular uma quantia a ser poupada a cada mês, trate de separar o valor assim que tiver o dinheiro em mãos, para evitar a tentação de gastar mais que o combinado. Para economizar, uma boa estratégia pode ser a definição de um orçamento para cada membro da família, o que pode exercer também um papel didático, já que cada um terá que aprender a administrar os recursos ao seu dispor. Neste estágio, é importante tomar cuidado para não ser muito radical nos cortes. Ao anotar os gastos, você deve ter percebido que há certas despesas que podem ser evitadas ou, pelo menos, reduzidas. Todavia, não se deve abrir mão totalmente da qualidade de vida, o que desestimularia os familiares e colocaria em xeque a continuidade do planejamento.

4 – Cultive com a família bons hábitos de consumo – É sabido que a relação entre as compras por impulso e o planejamento financeiro não é das mais amigáveis. Incentive o hábito de elaborar listas de compras e adquirir somente o necessário, além de priorizar as compras à vista. Dê preferência a programas mais acessíveis e, nem por isso, menos agradáveis. Piqueniques, passeios em parques e filmes em casa são momentos que podem ser divertidos, exigem menos gastos e ainda contribuem para fortalecer os laços familiares.

5 – Elimine as dívidas – Inclua no planejamento financeiro familiar a liquidação das dívidas para garantir uma folga no orçamento. Se você tem dívidas com juros altos, como o limite do cheque especial e o cartão de crédito, pode valer a pena contratar um empréstimo (se possível, consignado) apenas para quitar estas dívidas mais corrosivas. Gastando menos com parcelas, a capacidade de poupança será maior. O sucesso do planejamento financeiro familiar depende também de um bom acompanhamento. É interessante, de vez em quando, recordar juntos os objetivos familiares. Em pouco tempo, a viagem que parecia distante, um curso de qualificação ou a compra da casa própria podem sair do papel e se tornar realidade, como consequência da execução do planejamento.(Texto: potencia.com.br)

VEJA TAMBÉM

SAIBA O QUE PODE CAUSA CANDIDÍASE NESTE VERÃO. CLIQUE AQUI E ASSISTA AO VÍDEO

NA FISK DA VILA VIRGÍNIA, NA RUA DO RETIRO, PARCERIA ESPECIAL COM A CDL

VEJA COMO FOI A 103ª FORMATURA DA ESCOLA PROFESSOR LUIZ ROSA

ACESSE O FACEBOOK DO JUNDIAÍ AGORA: NOTÍCIAS, DIVERSÃO E PROMOÇÕES

PRECISANDO DE BOLSA DE ESTUDOS? O JUNDIAÍ AGORA VAI AJUDAR VOCÊ. É SÓ CLICAR AQUI