19, fevereiro , 2019
Home Variedades VÍDEO-Luzia Dvorek e PESTANEJA; dança, banda sinfônica e aniversário

VÍDEO-Luzia Dvorek e PESTANEJA; dança, banda sinfônica e aniversário

Quase todo mundo já conhece o Parque Engordadouro, né? Se você ainda não conhece, a hora é agora: o Márcio Miguel, da TVTEC fez um passeio pelo parque e mostrou várias coisas legais que tem por lá. É uma boa opção para começar o final de semana de forma saudável. Depois tem festa de aniversário do Parque da Cidade, muita dança no Sesc Jundiaí, apresentação da Banda Sinfônica Jovem do Estado e o show da cantora Luzia Dvorek e sua Pestaneja:

AniversárioA festa em comemoração aos 14 anos do Parque da Cidade ganhou um brilho a mais: às 11 horas, os alunos do projeto Guri se apresentam no Palquinho e, à tarde, quatro escolas de Jundiaí fazem atividades circenses, com direito a tecidos acrobáticos e malabarismo. O aniversário começa às 9 horas e terá, ao longo de todo o dia, pipoca, algodão doce e brinquedos infláveis, além de atrações para todos os públicos. A entrada é livre.

Logo de manhã, o artista Inos Corradin prestigia a reinauguração da sua escultura “O Equilibrista”, que agora está na praça em frente à administração do Parque.

Também com a presença de autoridades, o atleta do Peama Cristian Ribera, que treina no Parque da Cidade e conquistou resultados inéditos para brasileiros nos Jogos Paralímpicos de Inverno de Pyeongchang, será homenageado. Em seguida, será lançado o projeto Banco de Sementes, uma parceria entre o Rotary Club Serra do Japy e a DAE/Parque da Cidade.

Às 9 horas, tem início a aula do Agita Jundiaí, que promete animar o público ao som de ritmo dançantes, na Praça Pôr do Sol. No mesmo horário, os fãs de peteca podem participar de uma aula na área das quadras. Às 10 horas, haverá atividades de jiu jistu. Às 11 horas, será a apresentação do projeto Guri.

Música clássica – A Banda Sinfônica Jovem do Estado de São Paulo estreia o programa da temporada 2018 pelo Teatro Polytheama. O concerto gratuito deste sábado (21), às 20h, tem em seu repertório obras de David Gillinghan, Eric Whitacre, Johan de Meij e James Stephenson, sob a regência da maestrina Mônica Giardini.

Os ingressos poderão ser retirados na bilheteria do Teatro neste sábado (21), a partir das 14h. Cada adulto poderá retirar até 2 ingressos. O Teatro Polytheama fica na rua Barão de Jundiaí, 176, Centro e os telefones para informações são (11) 4586-2472 e 4522-0770, com atendimento de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

A Banda Sinfônica Jovem do Estado foi composta em 1993 e faz parte dos grupos de formação e difusão artística da Escola de Música do Estado de São Paulo (Emesp) Tom Jobim. Com criatividade, inovação e vivência pedagógica, a banda mescla repertório tradicional e erudito com composições populares e temáticas e possibilita o intercâmbio entre os músicos.

A programação de espetáculos do Teatro e a agenda cultural completa no Município estão disponíveis no Aplicativo Jundiaí, ferramenta que pode ser baixada em qualquer smartphone Android ou iPhone.

PARTICIPE

SORTEIO DE QUATRO PARES DE INGRESSOS PARA VINGADORES – GUERRA INFINITA

Sábado e domingo – Neste final de semana, o Sesc Jundiaí mais uma vez abre espaço para a dança. Três espetáculos, com propostas bem diferentes, prometem encantar o público de todas as idades.

Na tarde de sábado(21), às 16h, o espetáculo ‘Encruzilhada’ (acima) traz à tona uma discussão sobre a atualidade, dando significado à ancestralidade, os espaços urbanos e as relações sociais que os permeiam. Ao resgatar manifestações populares, o grupo propõe um ato de resistência – do negro, da periferia, dos grandes mestres da cultura popular e do Hip Hop. Apostando em uma linguagem experimental e contemporânea, o projeto do grupo Fragmento Urbano foi contemplado pelo XIX Edital de Fomento à Dança da cidade de São Paulo. A apresentação acontece na Área de Convivência da unidade e será aberta ao público.

Também no sábado, ‘5 Passos Pra Não Cair no Abismo’ (acima) ganha o palco do Teatro do Sesc Jundiaí às 19h. A partir do texto de Caio Fernando Abreu ‘Vórtice, Voragem, Vertigem’ a coreógrafa Sônia Destri Lie e os dançarinos da Companhia Urbana de Dança desenvolveram esse trabalho sobre aquilo que sorve ou devora, pois é assim que a companhia se sente, tanto no abismo dos perigos de ser periférico, quanto os de estrelas falsas e de beijos e desejos.

A Companhia Urbana de Dança é uma das Cias mais atuantes e potentes no Rio de Janeiro, que busca na linguagem urbana e nas técnicas contemporâneas o caminho para suas criações. O grupo já foi considerado pela crítica internacional o “futuro da dança urbana”, figurando na lista dos 10 melhores do The New York Times nos anos de 2010 e 2014. Os ingressos para o espetáculo estão à venda pela internet e na bilheteria da unidade. R$ 5 (credencial plena), R$ 8,50 (meia) e R$ 17 (inteira).

No domingo, 22, às 16h, o grupo Fragmento Urbano retorna à Área de Convivência do Sesc com ‘Breaking De Repente’. Esse espetáculo aborda os gestos e as familiaridades da rotina cotidiana social nos grandes centros urbanos por meio da dança. Transitando entre ações cotidianas comuns como caminhar, observar o tempo, procurar objetos ou mesmo pegar transporte público, o espetáculo se propõe a quebrar a rotina da cidade ampliando a percepção do público para as relações cotidianas e para o cenário urbano. Apresentação gratuita e aberta ao público. O Sesc Jundiaí fica na Av. Antonio Frederico Ozanan, 6600. Informações: (11) 4583-4900.

Pestaneja – A cantora paulistana Luzia Dvorek (foto principal) apresenta neste domingo, no Sesc Jundiaí, show intimista com músicas do seu primeiro disco e canções que farão parte do seu novo álbum. Não faltarão músicas já conhecidas de seu público, como Pestaneja (Carlinhos Brown), Choro das Águas (Ivan Lins) e De Amor Eu Morrerei (Dominguinhos), além de novos compositores como Jam da Silva e Péri. Em formação acústica, Luzia será acompanhada por violão, acordeon e teclados. O show Pestaneja (vídeo abaixo) acontece às 18h, no Teatro do SESC Jundiaí.

Socióloga por formação, Luzia iniciou sua carreira artística em 2004, a convite de Dante Ozzetti. Sua voz chamou a atenção de compositores e cantores, que a chamaram para participar de seus shows, entre eles Vicente Barreto e Rafael Altério. Em 2006, Luzia estreou seu primeiro trabalho solo: o show “Minha Sorte”. Em 2005 cantou no Festival Cultura de Música, da TV Cultura, sendo a canção por ela interpretada, Toada, de Mario Sève e Guile Wisnik, uma das finalistas mais votadas pelo público via internet.

Luzia já gravou dois CDs, e apresentou seus shows em diversas cidades do país e do exterior. Carlinhos Brown, Ivan Lins, André Mehmari e Marcelo Jeneci são alguns artistas que participaram de seu CD e dividiram o palco com a intérprete, divulgando a excelência do trabalho produzido por Alê Siqueira (Marisa Monte, Tribalistas). Atualmente, a artista viaja o país com o show “Pestaneja” e trabalha na pré-produção seu novo álbum(foto principal: Rogerio Stella).

  • Termos e condições para publicação de comentários de leitores

    O presente termo tem como objetivo informar as condições para a publicação de comentários em murais e matérias jornalísticas no site Jundiaí Agora, na forma que se passa a expor:

    É vetada a publicação de comentários que:

    • sejam falsos ou infundados;
    • invadam a privacidade de terceiros ou manifestamente os prejudique;
    • promovam racismo contra grupos de minorias ou qualquer forma de fanatismo político ou religioso, discriminando grupos de pessoas ou etnias;
    • violem direitos de terceiros, tais como direitos de propriedade intelectual;
    • tenham conotação publicitária, promocional ou de propaganda, ou, ainda, que demonstrem preferência por alguma empresa ou marca(banners publicitários, vendas on-line, etc);
    • promovam discriminação de qualquer natureza;
    • incitem à violência;
    • explorem medo ou superstição;
    • se aproveitem da deficiência de julgamento e inexperiência das crianças;
    • desrespeitem valores ambientais;
    • apresentem linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
    • promovam “correntes” ou “pirâmides” de qualquer espécie;
    • violem a legislação pátria.
    • calúnia, difamação, injúria, ofensa, perturbação da tranquilidade alheia, perseguição, ameaça ou violação de direitos de terceiros;
    • propaganda política para candidatos(partidos ou coligações) e propaganda de seus órgãos ou representantes;
    • páginas e arquivos criptografados/ protegidos por senhas;
    • programas/arquivos que contenham vírus ou qualquer outro código que ponha em risco arquivos;
    • programas ou componentes de computador de usuários que venham a acessar a página do Jundiaí Agora;
    • Todo tipo de pirataria, inclusive de software;
    • O usuário não poderá utilizar-se dos serviços do site desviando a finalidade dele para cometer qualquer atividade ilícita.

    A Rapha.com reserva-se o direito de despublicar (retirar do site) os comentários que não atendam aos padrões sociais, culturais e éticos que regem a matéria.

    Fica estabelecido que o autor do comentário é inteiramente responsável pelo conteúdo nessa havido, quer perante a Rapha.com, quer perante terceiros.

    As opiniões expostas nos comentários não representam as opiniões da Rapha.com/Jundiaí Agora.

    A Rapha.com não se responsabiliza por qualquer dano advindo dos comentários publicados.
    Os usuários do site Jundiaí Agora concordam com as regras contidas neste termo, e desde já autorizam a sua publicação, inclusive nas redes sociais, estando cientes, ainda, que os comentários poderão ser indexados em buscadores nacionais e internacionais, assim como os conteúdos a que estão vinculados.

  • Termos e condições para publicação de comentários de leitores

    O presente termo tem como objetivo informar as condições para a publicação de comentários em murais e matérias jornalísticas no site Jundiaí Agora, na forma que se passa a expor:

    É vetada a publicação de comentários que:

    • sejam falsos ou infundados;
    • invadam a privacidade de terceiros ou manifestamente os prejudique;
    • promovam racismo contra grupos de minorias ou qualquer forma de fanatismo político ou religioso, discriminando grupos de pessoas ou etnias;
    • violem direitos de terceiros, tais como direitos de propriedade intelectual;
    • tenham conotação publicitária, promocional ou de propaganda, ou, ainda, que demonstrem preferência por alguma empresa ou marca(banners publicitários, vendas on-line, etc);
    • promovam discriminação de qualquer natureza;
    • incitem à violência;
    • explorem medo ou superstição;
    • se aproveitem da deficiência de julgamento e inexperiência das crianças;
    • desrespeitem valores ambientais;
    • apresentem linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
    • promovam “correntes” ou “pirâmides” de qualquer espécie;
    • violem a legislação pátria.
    • calúnia, difamação, injúria, ofensa, perturbação da tranquilidade alheia, perseguição, ameaça ou violação de direitos de terceiros;
    • propaganda política para candidatos(partidos ou coligações) e propaganda de seus órgãos ou representantes;
    • páginas e arquivos criptografados/ protegidos por senhas;
    • programas/arquivos que contenham vírus ou qualquer outro código que ponha em risco arquivos;
    • programas ou componentes de computador de usuários que venham a acessar a página do Jundiaí Agora;
    • Todo tipo de pirataria, inclusive de software;
    • O usuário não poderá utilizar-se dos serviços do site desviando a finalidade dele para cometer qualquer atividade ilícita.

    A Rapha.com reserva-se o direito de despublicar (retirar do site) os comentários que não atendam aos padrões sociais, culturais e éticos que regem a matéria.

    Fica estabelecido que o autor do comentário é inteiramente responsável pelo conteúdo nessa havido, quer perante a Rapha.com, quer perante terceiros.

    As opiniões expostas nos comentários não representam as opiniões da Rapha.com/Jundiaí Agora.

    A Rapha.com não se responsabiliza por qualquer dano advindo dos comentários publicados.
    Os usuários do site Jundiaí Agora concordam com as regras contidas neste termo, e desde já autorizam a sua publicação, inclusive nas redes sociais, estando cientes, ainda, que os comentários poderão ser indexados em buscadores nacionais e internacionais, assim como os conteúdos a que estão vinculados.