21, outubro , 2018
Home Negócios Cenário Econômico: Apple e Google são as MARCAS MAIS VALIOSAS

Cenário Econômico: Apple e Google são as MARCAS MAIS VALIOSAS

Marcas valiosas – A consultoria Interbrand divulgou a edição de 2018 que aponta quais são as 100 marcas mais valiosas no mundo. A Apple ocupa o primeiro lugar da lista, avaliada em US$ 214 bilhões, seguida pelo Google US$ 155,5 bilhões e a Amazon US$ 100,7 bilhões. A Apple se mantêm nessa posição há seis anos. Neste ano, duas novas marcas entraram para o ranking pela primeira vez: o Spotify, avaliado em US$ 5 bilhões e a Subaru avaliada em US$ 4,2 bilhões. Juntas, as 100 marcas do ranking somam US$ 2 trilhões, 7,7% maior em relação a 2017.

Bolsa – O Ibovespa teve uma semana de alta volatilidade. Às 16:14 desta sexta-feira (5), o Índice Bovespa tinha uma semana com 3,89% de alta, apesar de ter uma sexta-feira de realização de lucros e a espera do resultado da eleição do primeiro turno que acontecerá nesse domingo.

Banco do Brasil (BBAS3) – As ações ordinárias do Banco do Brasil foram o destaque da semana cotada em R$ 35,74 no fechamento do pregão dessa sexta-feira, o que levou a uma forte valorização de 21% apenas nessa semana.

Dólar Comercial – O dólar comercial vem de forte desvalorização, e após bater no patamar de R$ 4,20 há alguns dias atrás, voltou a negociar abaixo dos R$ 4,00. O fechamento da moeda americana nessa sexta-feira foi cotada a R$ 3,857, desvalorização na semana de 4,46%.

Eleições 2018 – Reta final das campanhas nesse primeiro turno e a pesquisa Ipespe feita entre os dias 3 e 4 de outubro mostram que o deputado federal Jair Bolsonaro (PSL) aumentou sua vantagem para o segundo colocado, o candidato Fernando Haddad (PT). Bolsonaro saltou 8 pontos percentuais e chegou a 36% das intenções de voto. Já o petista oscilou de 21 a 22% das intenções de voto.

ENCONTRO DE LOCUTORES DO SENAC

A VOZ DO GOOGLE TRADUTOR E SIRI ESTARÁ EM JUNDIAÍ NO DIA 9

Bolsonaro – Considerando apenas os votos válidos, o deputado federal tem 41% das intenções de voto, o que indica que precisaria de mais 9% dos votos dos outros candidatos para que se configure uma vitória no primeiro turno. No cenário espontâneo (quando os nomes dos candidatos não são apresentados aos entrevistados), Bolsonaro tem 33% das intenções de voto, o que equivale a 48% dos votos válidos. Nesse caso, aumentam as chances do deputado levar a eleição logo no primeiro turno. (Ilustração: administradores.com.br)


DIOGO YAMASSAKE

Profissional do Mercado Financeiro certificado pela Comissões de Valores Mobiliários(CVM) e PQO BM&F Bovespa. E-mail – diogo.yamassake@wiseadvisors.com.br

Facebook Comments

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

CAPTCHA


  • Termos e condições para publicação de comentários de leitores

    O presente termo tem como objetivo informar as condições para a publicação de comentários em murais e matérias jornalísticas no site Jundiaí Agora, na forma que se passa a expor:

    É vetada a publicação de comentários que:

    • sejam falsos ou infundados;
    • invadam a privacidade de terceiros ou manifestamente os prejudique;
    • promovam racismo contra grupos de minorias ou qualquer forma de fanatismo político ou religioso, discriminando grupos de pessoas ou etnias;
    • violem direitos de terceiros, tais como direitos de propriedade intelectual;
    • tenham conotação publicitária, promocional ou de propaganda, ou, ainda, que demonstrem preferência por alguma empresa ou marca(banners publicitários, vendas on-line, etc);
    • promovam discriminação de qualquer natureza;
    • incitem à violência;
    • explorem medo ou superstição;
    • se aproveitem da deficiência de julgamento e inexperiência das crianças;
    • desrespeitem valores ambientais;
    • apresentem linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
    • promovam “correntes” ou “pirâmides” de qualquer espécie;
    • violem a legislação pátria.
    • calúnia, difamação, injúria, ofensa, perturbação da tranquilidade alheia, perseguição, ameaça ou violação de direitos de terceiros;
    • propaganda política para candidatos(partidos ou coligações) e propaganda de seus órgãos ou representantes;
    • páginas e arquivos criptografados/ protegidos por senhas;
    • programas/arquivos que contenham vírus ou qualquer outro código que ponha em risco arquivos;
    • programas ou componentes de computador de usuários que venham a acessar a página do Jundiaí Agora;
    • Todo tipo de pirataria, inclusive de software;
    • O usuário não poderá utilizar-se dos serviços do site desviando a finalidade dele para cometer qualquer atividade ilícita.

    A Rapha.com reserva-se o direito de despublicar (retirar do site) os comentários que não atendam aos padrões sociais, culturais e éticos que regem a matéria.

    Fica estabelecido que o autor do comentário é inteiramente responsável pelo conteúdo nessa havido, quer perante a Rapha.com, quer perante terceiros.

    As opiniões expostas nos comentários não representam as opiniões da Rapha.com/Jundiaí Agora.

    A Rapha.com não se responsabiliza por qualquer dano advindo dos comentários publicados.
    Os usuários do site Jundiaí Agora concordam com as regras contidas neste termo, e desde já autorizam a sua publicação, inclusive nas redes sociais, estando cientes, ainda, que os comentários poderão ser indexados em buscadores nacionais e internacionais, assim como os conteúdos a que estão vinculados.

    Facebook Comments
  • Termos e condições para publicação de comentários de leitores

    O presente termo tem como objetivo informar as condições para a publicação de comentários em murais e matérias jornalísticas no site Jundiaí Agora, na forma que se passa a expor:

    É vetada a publicação de comentários que:

    • sejam falsos ou infundados;
    • invadam a privacidade de terceiros ou manifestamente os prejudique;
    • promovam racismo contra grupos de minorias ou qualquer forma de fanatismo político ou religioso, discriminando grupos de pessoas ou etnias;
    • violem direitos de terceiros, tais como direitos de propriedade intelectual;
    • tenham conotação publicitária, promocional ou de propaganda, ou, ainda, que demonstrem preferência por alguma empresa ou marca(banners publicitários, vendas on-line, etc);
    • promovam discriminação de qualquer natureza;
    • incitem à violência;
    • explorem medo ou superstição;
    • se aproveitem da deficiência de julgamento e inexperiência das crianças;
    • desrespeitem valores ambientais;
    • apresentem linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
    • promovam “correntes” ou “pirâmides” de qualquer espécie;
    • violem a legislação pátria.
    • calúnia, difamação, injúria, ofensa, perturbação da tranquilidade alheia, perseguição, ameaça ou violação de direitos de terceiros;
    • propaganda política para candidatos(partidos ou coligações) e propaganda de seus órgãos ou representantes;
    • páginas e arquivos criptografados/ protegidos por senhas;
    • programas/arquivos que contenham vírus ou qualquer outro código que ponha em risco arquivos;
    • programas ou componentes de computador de usuários que venham a acessar a página do Jundiaí Agora;
    • Todo tipo de pirataria, inclusive de software;
    • O usuário não poderá utilizar-se dos serviços do site desviando a finalidade dele para cometer qualquer atividade ilícita.

    A Rapha.com reserva-se o direito de despublicar (retirar do site) os comentários que não atendam aos padrões sociais, culturais e éticos que regem a matéria.

    Fica estabelecido que o autor do comentário é inteiramente responsável pelo conteúdo nessa havido, quer perante a Rapha.com, quer perante terceiros.

    As opiniões expostas nos comentários não representam as opiniões da Rapha.com/Jundiaí Agora.

    A Rapha.com não se responsabiliza por qualquer dano advindo dos comentários publicados.
    Os usuários do site Jundiaí Agora concordam com as regras contidas neste termo, e desde já autorizam a sua publicação, inclusive nas redes sociais, estando cientes, ainda, que os comentários poderão ser indexados em buscadores nacionais e internacionais, assim como os conteúdos a que estão vinculados.

    Facebook Comments