17, outubro , 2018
Home Opinião Vivências do SILÊNCIO

Vivências do SILÊNCIO

A vivência do silêncio, sobre a qual escrevo hoje, vem do livro do Cardeal Robert Sarah e do escritor Nicolas Diat: “A Força do Silêncio contra a Ditadura do Ruído”. Leio, aos poucos, pois é profundo demais e cada parágrafo carrega uma verdade sob a inspiração do Infinito. No capítulo “A força do silêncio”, Sarah cita Julien Green (1900-1998), escritor norte-americano de expressão francesa, em seu livro: “Partir antes do amanhecer”. Green escreve que Deus fala com extrema doçura a seus filhos e, o que Ele tem a dizer, muitas vezes o diz sem palavras, pois a criação fornece-Lhe o vocabulário: as folhas, as nuvens, a água corrente, uma réstia de luz.

Sarah acrescenta: “Tenho certeza de que Deus dá a cada pessoa de fé um coração capaz de ouvir a linguagem da criação. Segundo a palavra de Bem Sirac, o sábio, Deus ‘plantou” seu olho em nossos corações, de modo que o crente olha para Deus, para o seu próximo e para toda a criação com os olhos divinos. Deus selou meu coração em Seu coração e habita em meu coração”. Ou seja, de acordo com a reflexão, Deus vê, fala e ouve e os que têm fé podem, igualmente, ver e ouvir na perspectiva de Deus.

Que lindo e forte tudo isso! Creio nessas colocações. Dependendo do que visualizo, como as montanhas da Serra do Japi, ao sair do Parque Residencial Almerinda Chaves, no retorno para casa, tenho a sensação de que Deus me acarinha e me ilumina. Assim também, quando vou ou retorno pela avenida Antônio Pincinato no Eloy Chaves. Mas acontecem acenos em outras belezas como nos ipês que florescem. Há uma forma silenciosa na fala de Deus, que é possível discernir ao abaixar os ruídos do mundo. Nem sempre é fácil.

OUTROS ARTIGOS DE CRISTINA CASTILHO

VIVÊNCIAS DE ADEUS

VIVÊNCIAS DE ADEUS

VIVÊNCIAS EM FAVOR DA VIDA

VIVÊNCIAS DO ENVELHECER

VIVÊNCIAS DE RANCOR

Sublime, também, a reflexão de que Deus “plantou” Seu olho em nossos corações. Penso nas minhas cataratas tantas que me impedem de enxergar os acontecimentos e as pessoas com o olhar divino. Preciso urgente removê-las pela graça do Senhor.

Recordei-me do morador de rua, conhecido há alguns anos, com quem me deparei na Praça Governador Pedro de Toledo, no momento que a procissão da Festa de Nossa Senhora do Desterro chegava à Catedral. O cobertor nos braços – costuma dormir na rua, na região do Terminal Central -, olhos fechados e rezando a “Ave-Maria”.  Despreocupado com os barulhos do entorno. Ao se deparar comigo, afirmou que pedia a Nossa Senhora para interceder junto a Deus, a fim de que lhe ofertasse luz.

Penso que o silêncio do coração dele, embora rezasse em voz alta, estava pleno de abraço do Céu. (foto: Solange Casarin)


MARIA CRISTINA CASTILHO DE ANDRADE

Com formação em Letras, professora, escreve crônicas, há 40 anos, em diversos meios de comunicação de Jundiaí e, também, em Portugal. Atua junto a populações em situação de

Facebook Comments

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

CAPTCHA


  • Termos e condições para publicação de comentários de leitores

    O presente termo tem como objetivo informar as condições para a publicação de comentários em murais e matérias jornalísticas no site Jundiaí Agora, na forma que se passa a expor:

    É vetada a publicação de comentários que:

    • sejam falsos ou infundados;
    • invadam a privacidade de terceiros ou manifestamente os prejudique;
    • promovam racismo contra grupos de minorias ou qualquer forma de fanatismo político ou religioso, discriminando grupos de pessoas ou etnias;
    • violem direitos de terceiros, tais como direitos de propriedade intelectual;
    • tenham conotação publicitária, promocional ou de propaganda, ou, ainda, que demonstrem preferência por alguma empresa ou marca(banners publicitários, vendas on-line, etc);
    • promovam discriminação de qualquer natureza;
    • incitem à violência;
    • explorem medo ou superstição;
    • se aproveitem da deficiência de julgamento e inexperiência das crianças;
    • desrespeitem valores ambientais;
    • apresentem linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
    • promovam “correntes” ou “pirâmides” de qualquer espécie;
    • violem a legislação pátria.
    • calúnia, difamação, injúria, ofensa, perturbação da tranquilidade alheia, perseguição, ameaça ou violação de direitos de terceiros;
    • propaganda política para candidatos(partidos ou coligações) e propaganda de seus órgãos ou representantes;
    • páginas e arquivos criptografados/ protegidos por senhas;
    • programas/arquivos que contenham vírus ou qualquer outro código que ponha em risco arquivos;
    • programas ou componentes de computador de usuários que venham a acessar a página do Jundiaí Agora;
    • Todo tipo de pirataria, inclusive de software;
    • O usuário não poderá utilizar-se dos serviços do site desviando a finalidade dele para cometer qualquer atividade ilícita.

    A Rapha.com reserva-se o direito de despublicar (retirar do site) os comentários que não atendam aos padrões sociais, culturais e éticos que regem a matéria.

    Fica estabelecido que o autor do comentário é inteiramente responsável pelo conteúdo nessa havido, quer perante a Rapha.com, quer perante terceiros.

    As opiniões expostas nos comentários não representam as opiniões da Rapha.com/Jundiaí Agora.

    A Rapha.com não se responsabiliza por qualquer dano advindo dos comentários publicados.
    Os usuários do site Jundiaí Agora concordam com as regras contidas neste termo, e desde já autorizam a sua publicação, inclusive nas redes sociais, estando cientes, ainda, que os comentários poderão ser indexados em buscadores nacionais e internacionais, assim como os conteúdos a que estão vinculados.

    Facebook Comments
  • Termos e condições para publicação de comentários de leitores

    O presente termo tem como objetivo informar as condições para a publicação de comentários em murais e matérias jornalísticas no site Jundiaí Agora, na forma que se passa a expor:

    É vetada a publicação de comentários que:

    • sejam falsos ou infundados;
    • invadam a privacidade de terceiros ou manifestamente os prejudique;
    • promovam racismo contra grupos de minorias ou qualquer forma de fanatismo político ou religioso, discriminando grupos de pessoas ou etnias;
    • violem direitos de terceiros, tais como direitos de propriedade intelectual;
    • tenham conotação publicitária, promocional ou de propaganda, ou, ainda, que demonstrem preferência por alguma empresa ou marca(banners publicitários, vendas on-line, etc);
    • promovam discriminação de qualquer natureza;
    • incitem à violência;
    • explorem medo ou superstição;
    • se aproveitem da deficiência de julgamento e inexperiência das crianças;
    • desrespeitem valores ambientais;
    • apresentem linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
    • promovam “correntes” ou “pirâmides” de qualquer espécie;
    • violem a legislação pátria.
    • calúnia, difamação, injúria, ofensa, perturbação da tranquilidade alheia, perseguição, ameaça ou violação de direitos de terceiros;
    • propaganda política para candidatos(partidos ou coligações) e propaganda de seus órgãos ou representantes;
    • páginas e arquivos criptografados/ protegidos por senhas;
    • programas/arquivos que contenham vírus ou qualquer outro código que ponha em risco arquivos;
    • programas ou componentes de computador de usuários que venham a acessar a página do Jundiaí Agora;
    • Todo tipo de pirataria, inclusive de software;
    • O usuário não poderá utilizar-se dos serviços do site desviando a finalidade dele para cometer qualquer atividade ilícita.

    A Rapha.com reserva-se o direito de despublicar (retirar do site) os comentários que não atendam aos padrões sociais, culturais e éticos que regem a matéria.

    Fica estabelecido que o autor do comentário é inteiramente responsável pelo conteúdo nessa havido, quer perante a Rapha.com, quer perante terceiros.

    As opiniões expostas nos comentários não representam as opiniões da Rapha.com/Jundiaí Agora.

    A Rapha.com não se responsabiliza por qualquer dano advindo dos comentários publicados.
    Os usuários do site Jundiaí Agora concordam com as regras contidas neste termo, e desde já autorizam a sua publicação, inclusive nas redes sociais, estando cientes, ainda, que os comentários poderão ser indexados em buscadores nacionais e internacionais, assim como os conteúdos a que estão vinculados.

    Facebook Comments