Órfãos da Covid: Projeto para reduzir prejuízos financeiros e psicológicos

órfãos da covid

O vereador Madson Henrique(PSC) apresentará, nas próximas sessões, projeto que cria o projeto Órfãos da Covid-19. O objetivo da proposta é reduzir prejuízos financeiros e psicológicos sofridos por crianças e adolescentes que perderam pais ou responsáveis para a doença. Entre os benefícios previstos estão a entrega de cestas básicas e atendimento semanal com psicólogos.

Na justificativa, o parlamentar lembra que em Jundiaí já há mais de 1.500 mortos até o momento. “Entre as vítimas, estão pais e mães e muitos avós que deixaram precocemente seus filhos e netos. Com a ausência vivenciada por essas crianças que dependem de seus responsáveis e de repente se encontram desamparadas se tornando vítimas indiretas dessa crise. Diante desse cenário, inúmeros são os impactos sofridos, sociais, econômicos e principalmente psicológicos. A vulnerabilidade social e econômica que afetou essas famílias jundiaienses necessita ser assistida de perto”.

O próprio vereador questiona no texto: “quais os planos para essas vítimas? De que forma podemos ampará-las?”. Madson, diante destas dúvidas, afirma que sentiu “que temos o dever de buscar por essas crianças e adolescentes e ter um olhar atento aos inúmeros bebês que ficaram órfãos em meio ao caos e que permanecem na invisibilidade. Através do congraçamento da sociedade civil organizada será possível amenizar a vulnerabilidade social e econômica. Confio no Legislativo e acredito que esse modelo de projeto deva ganhar espaço nacional”.

Se aprovado e sancionado pelo prefeito Luiz Fernando Machado, o projeto Órfãos da Covid-19, beneficiará quem tiver um falecido ou mais integrantes da família exclusivamente pela doença ou complicações decorrentes dela, a ser comprovado mediante certidão de óbito; renda familiar bruta mensal igual ou inferior a um e meio salário-mínimo; comprovação de regular matrícula escolar dos menores de idade da entidade familiar.

Os órfãos receberão: atendimento psicológico semanal prioritário e gratuito aos jovens com idade entre 5 e 17 anos; cesta básica mensal por família; kits de higiene contendo xampu, sabonete, escova e pasta de higienização bucal. Famílias com crianças abaixo de três anos receberão mensalmente leite em pó e, caso necessário, fraldas descartáveis.(Ilustração: Amanda Miranda/Agência Pública)

VEJA TAMBÉM:

QUAL O MAIOR LEGADO DE UMA ESCOLA PARA SEUS ESTUDANTES? ASSISTA AO VÍDEO DO ROSA

ACESSE FACEBOOK DO JUNDIAÍ AGORA: NOTÍCIAS, DIVERSÃO E PROMOÇÕES

PRECISANDO DE BOLSA DE ESTUDOS? O JUNDIAÍ AGORA VAI AJUDAR VOCÊ. É SÓ CLICAR AQUI